quarta-feira, 22 de abril de 2009

Em palavras

Talvez fosse ser feliz. Mas o que importa agora se eu já mudei o destino da semente plantada aqui no meu jardim? Do jardim que iria germinar outras sementes, cada uma de uma cor, sua cor, minha beleza e nossa graça diferente, do mundo diferente. Mas como seria depois, quando ela fosse nascer e brotar? Eu não saberia como cuidar e proteger. Eu sou tão flor pequena quanto uma nova semente. Tudo bem, talvez não fosse tão difícil assim, fui egoísta eu sei, mas ali, naquele momento, era tão complexo e difícil para se entender e seguir, que desisti. Desisti de tentar ir. E hoje me pergunto - Como seria se não estivesse mudado o destino? É... Estaria agora sem falar dessas palavras, e claro existiria a flor. Deixei outra mão tocar minha terra fértil e arrancar a semente mais preciosa do meu jardim. E ai você deve me perguntar: - Como aquela semente se sentiu? É...não sei bem explicar,mas antes de tirá-la de mim, sei que ela esperava desabrochar, ver o sol, a lua, os pássaros, as borboletas, enfim, queria ver o mundo, como eu e você vemos aqui. Ela seria um pedaço de mim, do meu jardim. Talvez fosse perfumada e linda, ou então tímida e feliz, mas seria fruto de um amor ou de um acaso bom. Enfim... não foi assim. Olhando aquele futuro eu vi que não haveria como seguir adiante, e mudei o destino,tornando tudo diferente e vazio, pois em meu lado hoje existe um pouco de terra e nenhuma pequena flor ao meu lado. O que deixo agora aqui são palavras com pedido de perdão, por não ter deixado ela se tornar uma bela flor neste imenso jardim.

2 comentários:

  1. Profunda ,forte e sentida reflexão com arrependimento de um momento...Ficou lindo!beijo,chica

    ResponderExcluir
  2. regina.cardinali@yahoo.com.br23 de abril de 2009 10:26

    A vida nos da apenas oq podemos suportar, passamos por momentos decisivos em nossas vidas, e temos sim a oportunidade e o direito de escrever o próprio destino. Não podemos pensar no "SE tivesse acontecido" temos que pensar na força que temos para tomar certa decisões sem nos culpar o tempo todo.
    Ser forte é mais difícil do que tomar certas decisões.

    ResponderExcluir